Niterói recebe competições de Karatê no Complexo Esportivo Caio Martins no próximo domingo

Niterói recebe competições de Karatê no Complexo Esportivo Caio Martins no próximo domingo

As disputas fazem parte dos Jogos Escolares do Rio de Janeiro (JERJ), que acontecem simultaneamente em diversos municípios do estado

No próximo domingo (7), Niterói sediará competições de Karatê no Complexo Esportivo Caio Martins, em Icarái, como parte das competições pré-classificatórias dos Jogos Escolares do Rio de Janeiro (JERJ). As disputas são organizadas pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria estadual de Esporte e Lazer, e já chegaram há mais de 10 municípios fluminenses, desde o início das competições em junho. No novo programa do governo estadual, os jogos escolares chegam pela primeira vez no interior do estado, ampliando a oferta de participação para mais alunos das redes públicas e privadas. A grande final será realizada no dia 30 de junho na capital fluminense, com partidas abertas ao público e entrada franca.  

Do ladinho de NIterói, a cidade de São Gonçalo também recebe as partidas do JERJ, com as provas de Basquete. A disputa sobe a serra e chega a Teresópolis e Três Rios, que serão palco de competições de Xadrez. Já no Norte do estado, Campos dos Goytacazes receberá jogos de Futsal; Nova Friburgo, de volta à Região Serrana, recebe competições de Handebol. A capital será anfitriã de Triathlon e Ginástica Rítmica.  
Para Brian Barreto, ginasta do JERJ, de 16 anos, estudante do Colégio Estadual André Maurois, o esporte foi um ponto importante para o desenvolvimento pessoal e para aprender diversos valores: “O esporte é muito importante na minha vida, porque aprendi a ter caráter, respeito, educação, disciplina e responsabilidade”, afirmou o aluno-atleta. 
A mãe de Bryan, a professora Mari Rodrigues, ressalta a importância do esporte na vida de um jovem, destacando o orgulho e felicidade que sente pelo filho.

— O coração da mãe fica muito feliz. Eu estou muito orgulhosa, pois tenho um filho responsável e disciplinado. É muito importante o esporte na vida do jovem, especialmente para ensinar respeito, disciplina e responsabilidade. E ver o Bryan deixa meu coração cada dia mais orgulhosa e mais feliz– declarou.
O estudante-atleta Christopher Santana, de 12 anos e aluno da Escola Municipal Manoel Cícero, pratica ginástica artística há sete anos e já venceu o Campeonato Brasileiro de 2021. Ele compartilhou seu sonho de competir nas Olimpíadas.

– O esporte mudou tudo. Tenho bastante incentivo da minha família e dos amigos, o que me possibilita conhecer vários lugares pelo Brasil e pelo mundo. Meu maior sonho é ser campeão olímpico – afirmou. 
Haroianne Teodoro é mãe de Christopher. Para ela, o sonho do filho mudou a vida da família e fez com que se mudassem para o Rio de Janeiro em busca da tão aguardada participação nas Olimpíadas

– O sonho dele se tornou tanto o nosso, que viemos morar no Rio de Janeiro por causa dele. Esperamos que ele consiga realizar todos os planos, que chegue a sua tão sonhada Olimpíadas sabendo que o apoio nunca irá faltar – revelou. 
O JERJ é realizado pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer, em parceria com a Federação de Esportes Estudantis do Rio de Janeiro (Feerj). Ao todo, participam das atividades, 71 municípios do Rio de Janeiro, com cerca de 650 escolas públicas e privadas inscritas, e mais de 5 mil estudantes nas equipes, classificando a garotada para as competições a nível nacional.

Destinada a jovens de 11 a 17 anos, a competição abrange 20 modalidades esportivas, como atletismo, basquete, futsal, ginástica artística, natação e vôlei, entre outras. Com um calendário fixo de competições, as etapas pré-classificatórias percorrerão as cinco regiões administrativas do estado. Para acompanhar o cronograma completo e obter mais informações sobre o programa, acesse: www.jerj.com.br

Confira a programação do final de semana: www.jerj.com.br 
Sobre os Jogos Escolares do Rio de Janeiro (JERJ):

Com o objetivo de fomentar a prática esportiva para crianças e adolescentes, a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer criou o programa que oferece, de forma gratuita, todos os subsídios para os estudantes das redes pública e privada terem acesso às práticas esportivas, que são fortes potencializadores da transformação social. Em uma política pública estruturante, o programa inclui a oferta de: equipe técnica, locais de competição, uniformes, troféus e medalhas. Além disso, os classificados terão a oportunidade de representar o Rio de Janeiro em competições organizadas pela Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE) e pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) em diversas partes do país. A iniciativa também prevê a inscrição dos alunos em torneios como os Jogos Escolares Brasileiros e os Jogos da Juventude. O programa é desenvolvido com recursos da Lei Pelé, totalizando aproximadamente R$12 milhões de reais investidos.

Confira mais informações sobre o programa e acompanhe os resultados de cada categoria no site: www.jerj.com.br

Crédito: Divulgação SEEL-RJ/Freepik

 

 

Por Ultima Hora em 05/07/2024
Aguarde..