Em Macaé, Castro e Bacellar vistoriam obras da ponte que ligará a Zona Norte ao Sul e o Centro

Obra, no valor de R$ 45 milhões, é aguardada há mais de 50 anos por moradores da região

Em Macaé, Castro e Bacellar vistoriam obras da ponte que ligará a Zona Norte ao Sul e o Centro

O governador Cláudio Castro visitou, nesta sexta-feira (05/07), o município de Macaé, no Norte Fluminense, ao lado do presidente da Alerj, deputado Rodrigo Bacellar, para vistoriar o andamento das obras de duplicação da ponte Engenheiro Ivan Mundim.

-  Era importante a gente andar em cima da obra, acompanhar e anunciar que na semana que vem a gente começa o último vão da ponte. Em muito pouco tempo teremos essa ponte aberta ao público, melhorando a mobilidade e o trânsito - disse o governador.

A ligação viária, com investimento de R$ 45 milhões do Governo do Estado, vai conectar o Centro da cidade ao bairro Barra, desafogando o trânsito e gerando uma economia de 30 minutos no tempo de quem trafega no local.

- Essa ponte vai representar um novo momento para Macaé. Um trabalho que só foi possível pela grande parceria entre o poder Legislativo, o Executivo do Rio de Janeiro e a prefeitura. Há décadas a população aguardava a execução dessa obra, que é fundamental para a mobilidade dentro do município - afirmou o presidente da Alerj, Rodrigo Bacellar.

Obras de duplicação da ponte Engenheiro Ivan Mundim. Imagem: Marcelo Regua.

Evolução dos trabalhos

Feita em parceria pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual das Cidades, e com a prefeitura do município, a ponte terá uma estrutura de 280 metros de comprimento e 9 de largura, além de 40 vigas de sustentação. Desse total, 16 já foram instaladas.

Além da construção da estrutura, ainda estão sendo realizadas outras melhorias como terraplanagem, pavimentação, drenagem, contenção de encostas, recuperação ambiental e sinalização. Para o prefeito de Macaé, Welberth Rezende, o apoio do Governo do Estado marca um momento histórico.

- Essa obra é esperada por mais de 50 anos. Nós temos mais da metade da cidade morando na Zona Norte e essa é a ponte principal de acesso à parte central e à parte sul da cidade, onde estão instaladas a maioria das empresas. Essa obra é muito, muito importante - disse o prefeito.

 

 

Por Ultima Hora em 06/07/2024
Aguarde..